segunda-feira, 26 de junho de 2017

ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DO SEPE CASIMIRO DE ABREU

 ATENÇÃO
*ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DO SEPE CASIMIRO DE ABREU*

Pauta:

_Conjunturas das redes Estadual e Municipal_

_Greve Geral do dia 30 de Junho_

*Local:* _Pça As Primaveras -- Barra de São João_

*_DIA 27.JUN, Às 18h_*

 COMPAREÇA!! 




CONVOCATÓRIA! GREVE GERAL DIA 30 DE JUNHO DE 2017

Dia 27 de junho de 2017, às 18 horas, no auditório do IHS (Instituto de Humanidade e Saúde), na UFF de Rio das Ostras, haverá uma plenária pública para debater e propor atividades para o dia 30 de junho de 2017.
Essa convocatória se destina aos demais coletivos, entidades, partidos e a população de modo geral.

Assinam essa convocatória as entidades:
ADUFF
COLETIVO EM CONSTRUÇÃO
MOVIMENTO CHEGA DE ESTUPROS
OCUPA CINAMOMO
SEPE DE RIO DAS OSTRAS
SINPRO Macaé e Região

segunda-feira, 19 de junho de 2017

21-06 Assembleia Publica 14h na SEMEDE-RO

SEPE Rio das Ostras/Casimiro de Abreu vem por meio deste, declarar sua insatisfação com a prefeitura de Rio das Ostras, que insiste em não respeitar a representatividade política dos profissionais da educação da rede municipal. O novo prefeito de Rio das Ostras Carlos Augusto Balthazar assumiu este ano, e o SEPE protocolou pedido de reunião com a secretaria de educação e com o prefeito em janeiro e ambos pedidos foram negados até o momento, além disso, fizemos ato na câmara municipal como mostra o vídeohttps://www.facebook.com/SEPERiodasOstras1977/videos/1249675395147766/
, e o prefeito insiste em não receber os servidores.
Entendemos isso como uma falta de respeito aos educadores que possuem o maior e mais importante sindicato do estado do Rio de Janeiro, o SEPE RJ - Oficial, que completa 40 anos de luta em 2017.
Nossa legitimidade foi ferida novamente pela prefeitura quando em recente publicação em diário oficial (14-06) o prefeito não incluiu o SEPE na nova comissão para revisar o Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos. O prefeito não quer negociar com o SEPE, porque sabe que nosso sindicato é INDEPENDENTE de governos, não apoiamos a gestão de Sabino e não apoiamos a gestão de Carlos Augusto, porque ambos sucateiam a educação municipal e ambos não garantiram o reajuste dos servidores municipais, que a 4 anos não tem reajuste, mesmo assim, entendemos que em uma democracia o poder publico tem o dever de dialogar com a entidade representativa dos educadores. A gestão de Sabino através da secretaria de educação Andreia, pelo menos recebia a direção do SEPE e mesmo que discordasse da maioria das propostas do SEPE, pelo menos respeitava a entidade oficialmente indicando o SEPE para as comissões da prefeitura. A nova gestão não abre o canal de diálogo com o SEPE e desrespeita a representatividade do sindicato, não o colocando na comissão. Nós do SEPE estamos convocando os profissionais da educação para a assembleia convocada pela SEMEDE e vamos eleger representantes da base legítimos como fizemos na última quarta-feira 14-06 elegendo o professor Marcos Cesar como representante do SEPE, na última assembleia do Sindserv Rio das Ostras, que elegeu também o diretor Celso do SINDSERV-RO (da educação), ambos por consenso.
Nós do SEPE Rio das Ostras não precisamos da legitimidade da prefeitura, porque as leis garantem nosso registro sindical e principalmente os filiados que contribuem voluntariamente ao SEPE (somos contra o imposto sindical), isso garante a nossa legitimidade, e pelo contrário entendemos que o SEPE esta sendo desrespeitado por ser um sindicato INDEPENDENTE SEMPRE PRESENTE NAS LUTAS E QUE É INTRANSIGENTE NA DEFESA DOS DIREITOS DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO, estaremos presentes na assembleia defendendo as reivindicações dos educadores, e seguiremos acreditando que só a luta muda a vida!